Arquivo da tag: Dinheiro

Empreendedorismo no setor da beleza

O mercado da beleza no Brasil está favorável para quem deseja empreender nesse setor. Segundo pesquisas, os brasileiros estão comprando cada vez mais produtos para o cabelo. Além disso, os salões de beleza e estéticas têm faturado muito com essa tendência mundial de incentivo ao embelezamento. Homens e mulheres buscam hoje alternativas para melhorar sua aparência e seus cabelos. Por isso, investir nesse ramo é um bom negócio. Veja algumas dicas para você que pretende abrir um salão de beleza.

Capacitação e formalização

Para conquistar o sucesso, o empreendedor precisa de capacitação técnica e administrativa. Tanto um salão grande quanto um pequeno devem buscar conhecimento em gestão de salão de beleza, isso determinará o bom andamento do negócio. Um profissional despreparado pode passar por várias dificuldades para manter o seu salão aberto. A formalização também é muito importante. A grande maioria das empresas desse segmento ainda não realizou o seu registro na junta comercial. Hoje, no país quem fatura até R$ 60 mil por ano pode se inscrever como empreendedor individual para obter um número no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

Pesquise o mercado

Procure conhecer e colher o máximo de informações possíveis sobre o mercado da beleza. Esse é um fator fundamental para determinar a abertura ou não de um salão de beleza. As entidades de classe do setor podem ser boas fontes na busca de dados nessa área. Procurar um serviço de consultoria empresarial também ajuda na hora de decidir abrir um salão de beleza. Realizar cursos de especialização e até mesmo de gestão pode ser uma alternativa para encontrar o melhor caminho a seguir. Na internet há bons cursos on line que ensinam a empreender nesse ramo.

Traduza o salão de beleza no papel

Formule um plano de negócio, mesmo que você já tenha aberto o salão sem planejamento. Esse projeto trata-se de um manual para estruturar a empresa. No papel se define a divisão dos trabalhos, o fluxo de caixa, os padrões de atendimento dos clientes, um plano de publicidade, questões jurídicas e outros aspectos. Nesse projeto você também vai traçar seus objetivos e identificar os pontos fracos do seu negócio.

Investimento financeiro

Um erro comum das pessoas é comprometer o seu patrimônio para abrir um negócio. Caso você escolha buscar um financiamento para abrir o salão, faça isso como pessoa jurídica, pois os juros são menores. Muitos bancos têm planos especiais para empreendedores, por isso pesquise a melhor opção.

Atendimento

Um bom atendimento é essencial no setor de serviços. Isso garante que o cliente volte e recomende o salão para outras pessoas. O ambiente também precisa ser agradável, já que muitas vezes se passa horas realizando tratamentos nos salão. Uma conversa descontraída com um cafezinho relaxa e torna aquele momento mais aprazível.

O atendimento ao cliente como diferencial competitivo

 

Em tempos de crise econômica e, também, de um mercado competitivo, seja lá qual for o nicho, o atendimento ao cliente pode ser uma estratégia inteligente e vantajosa para ganhar espaço e sair na frente dos concorrentes! Em muitos dos casos o atendimento é um fator que passa desapercebido ao olhar dos CEO’s e proprietários, porém, prestar um atendimento de qualidade é determinante na hora de conquistar ou não um cliente.

Obviamente é muito importante possuir uma equipe especializada para realizar atendimentos específicos dentro de uma empresa, porém, a política de relacionamento com o cliente deve se tornar parte da cultura interna da organização, fazendo com que todos os colaboradores entendam quais são os princípios e quão é importante o cliente estar satisfeito com o atendimento prestado. Para te auxiliar a entender melhor esse processo separamos abaixo algumas dicas essenciais para um atendimento ao cliente de excelência!

Dicas para prestar um atendimento ao cliente com excelência

Preocupe-se com as necessidades de cada cliente

Esteja preparado para atender a diversas necessidades diferentes, claro que algumas são mais recorrentes, mas é preciso ver cada necessidade de cada cliente com um olhar atento, sempre observando os detalhes e identificando o que o seu cliente realmente precisa. Dessa forma, será mais fácil deixa-lo satisfeito.

Personalize o atendimento

Evite padrões muito escancarados! Claro que é normal ter padrões internos de atendimento, mas o seu cliente deverá sempre sentir-se único, e esse é o papel de um atendimento personalizado.

Estimule o relacionamento

Crie estratégias e ações internas que estimulem o relacionamento entre empresa e cliente, tanto no pré-compra, no processo de compra como após a compra ser finalizada. Fazer com que o cliente se sinta parte importante da empresa é essencial!

Tenha credibilidade

Sempre que adquirir algum compromisso com algum dos seus clientes é preciso cumpri-lo. Ter credibilidade é essencial para criar uma relação de confiança e estreitar laços com o seu target.

 

Ficou com alguma dúvida a respeito do tema? Deixe o seu comentário e ficaremos felizes em ajuda-lo. Caso você queira receber mais materiais como esse basta se inscrever rapidamente na lista abaixo:

Não se preocupe! Não fazemos Spam!

Dicas para alcançar o sucesso no seu salão de beleza

O profissional da beleza trabalha com as expectativas das pessoas. Quando alguém procura um salão tem o desejo de mudar de se transformar, o que eleva sua auto-estima. Principalmente as mulheres depositam toda a sua confiança no cabeleireiro para alcançar o resultado esperado em um tratamento nos cabelos. As loiras querem ficar morenas e as morenas loiras. Quem tem cabelos curtos sonha com um alongamento e aquelas de cabelos longos pretendem cortar. São inúmeras as vontades de mudar que motiva homens e mulheres a frequentarem um salão de beleza.

Os proprietários de salão e suas equipes devem ter muita atenção com a clientela. A capacitação é muito importante para corresponder as expectativas dos clientes. Cabeleireiros experientes com vários cursos de especialização são mais procurados, já que a falta de formação ainda é um problema nesse mercado. Para conquistar um público fiel é preciso esforço e dedicação dos profissionais. Não será do dia para a noite que o salão de beleza irá alcançar a credibilidade dos clientes. Esse será um trabalho constante que deve ser aprimorado todos os dias.

Valorizar os seus colaboradores é muito importante para que eles se sintam motivados a fazerem o melhor trabalho possível. Todos devem ter os seus direitos garantidos para evitar descontentamentos. Manter a equipe unida e integrada é um fator determinante para o sucesso do salão. Estreitar as relações no ambiente de trabalho só trás benefícios. É preciso conquistar o respeito dos funcionários. Por exemplo, fazê-los participar de decisões sobre novas contratações demonstra confiança na equipe.

As mulheres cultuam seus cabelos e querem sempre transformá-los para ficarem mais bonitas. Tenha atenção com as clientes que solicitam uma mudança drástica. Certifique-se de que isso é o que ela realmente quer para não gerar transtornos depois. Caso o profissional não esteja seguro na execução do procedimento desejado, não faça. Nesse momento um erro pode causar um prejuízo irreparável aos cabelos da cliente e até mesmo um processo judicial, caso ela queira ir mais longe.

Os profissionais de salão de beleza devem sempre buscar aprimorar suas técnicas. Há muitos cursos disponíveis no mercado para que os cabeleireiros aprendam mais e possam trazer novidades ao salão. Por exemplo, a especialização em colorações. Há sempre novas práticas e tendências para os fios ficarem impecáveis. Outros cursos, como: administração e gestão em salão de beleza também podem ajudar o dono no processo de gerenciamento do salão. Quem vive em regiões do país onde não há escolas especializadas na área, pode buscar na internet os cursos on line, que também emitem certificados.

Portanto, se você tem um salão de cabeleireiro fique atento e tenha controle de tudo que acontece. Não deixe de estar presente participando da rotina diária do salão. Oriente seus funcionários quando necessário. Converse e estimule a equipe para que tenham um bom rendimento. Transforme o ambiente de trabalho em um lugar agradável para os profissionais e clientes se sentirem bem. Pequenas atitudes fazem toda a diferença.

Dicas para abrir um salão de beleza

Abrir um salão de beleza é uma ótima ideia, tendo em vista que o Brasil é o segundo país em consumo de serviços e produtos de beleza. Realmente, as brasileiras não economizam na hora de investir na beleza. Os proprietários de salões que administram bem o seu negócio, tendo um bom conhecimento de gestão em salão de beleza saem na frente dos outros.

É fundamental para o sucesso nesse empreendimento que você estude o mercado e saiba o perfil do seu público antes de instalar o seu salão. Você pode ter muita experiência nesse setor, mas é sempre bom aprender cada vez mais. Procure um curso de especialização e aprimore suas técnicas. Atualmente, há cursos on line que facilitam o aprendizado sem sair de casa. Fique atento a algumas dicas para ter sucesso em seu negócio.

1 – Comece planejando o espaço físico de forma que fique organizado. O ideal é ter uma recepção para atender as clientes, agendar horários e organizar os pagamentos.

2 – Investir em uniformes para os funcionários também é uma boa dica. Passar uma imagem de credibilidade do salão é importante.

3 – Não deixe de reservar uma sala de espera, de preferência com alguns mimos para as clientes, como: água, café e revistas. Instale uma TV se puder, isso vai tornar a espera ainda mais agradável, do contrário um som ambiente também é válido.

 

4 – Para uma boa gestão em salão de beleza não deixe de conhecer as principais características do mercado da beleza e saber o preço que os concorrentes estão cobrando. É essencial calcular a quantidade necessária de serviços de manicure e cabelo que você precisará para ter lucro. Recorrer a um consultor empresarial pode ajudar nesse aspecto.

5 – Aprenda a evitar o desperdício de produtos. Saber controlar o estoque ajuda a gastar menos. Os shampoos e condicionadores devem ser usados na quantidade adequada para cada tipo de cabelo.

6 – Escolha aparelhos com baixo consumo de energia. Também controle o uso da água. Isso vai reduzir o valor das contas no final do mês, colaborando no balanço do custo de manutenção do salão.

7 – Invista na decoração do salão de beleza para tornar o ambiente agradável. Tenha preferência por cores suaves que transmitam a sensação de limpeza e claridade. Os móveis devem estar em bom estado para causar uma boa impressão. O mobiliário deve garantir o bem estar no local de trabalho, faça uso de cadeiras ergonômicas.

 

8 – As manicures e esteticistas devem usar luvas e atender as regras básicas de higiene na prestação dos serviços. Os utensílios manuseados devem ser esterilizados em aparelho específico. Defina também se essas profissionais serão contratadas, sócias ou comissionadas.

9 – Ofereça produtos de qualidade que estejam na moda. Acompanhe os lançamentos e tendências em maquiagem, penteados e cortes, além de outros procedimentos de tratamentos para o cabelo.

10 – A iluminação do salão também é fundamental. Isso ajuda no trabalho dos maquiadores, manicures e cabeleireiros.

O que é público-alvo e como descobrir quem é o público-alvo do seu salão de beleza?

Nos últimos anos, o setor de estética e beleza está entre os que mais crescem no Brasil e a tendência é que esse mercado continue aquecido, mesmo diante da crise econômica, que tem impactado a maioria dos setores no país.

O crescimento desse setor traz também maior concorrência e, por isso, maior necessidade de especialização e de conhecer seu público, para então, desenvolver serviços cada vez mais especializados e voltados as suas necessidades e desejos. Porém, as pessoas são diferentes e têm necessidades e desejos diferentes. Então, para desenvolver serviços voltados ao seu cliente, você precisa primeiro saber quem ele é e como ele espera que seu serviço o ajude. Por isso, uma questão muito importante na gestão de um salão de beleza, assim como em qualquer outro negócio, é a definição do público-alvo.

Mas, antes de qualquer coisa, é preciso entender o conceito de público-alvo. Então, vamos em frente… Também chamado de prospect ou target, o público-alvo é o conjunto de pessoas, com características semelhantes (faixa etária, renda, sexo, interesses e etc.) a quem seu serviço é destinado.

 

How-to-2x-your-Salon-Business

Para definir o público-alvo do seu salão de beleza, faça o seguinte exercício:

pense em quem seria o seu cliente ideal e questione-se:

  • É homem ou mulher?
  • Qual sua idade?
  • Quanto ele ganha?
  • Em que região ele reside?
  • Quais são suas características físicas? E psicológicas?
  • Qual seu nível de instrução?
  • Quem influencia suas decisões?
  • O que ele faz nas horas vagas?
  • Em que lugar ele busca por informação? Em revistas? Jornal de bairro? Jornal de grande circulação? Sites? Mídias sociais?
  • O que ela busca em um salão de beleza?
  • O que o faria vir até mim e não até meu concorrente?
  • O que ela valoriza mais? Agilidade? Qualidade? Preço? Atendimento?

Ao concluir esse exercício você já terá uma boa ideia sobre seu potencial consumidor. Então, com o público-alvo definido, fica muito mais fácil vender seus serviços: basta direcionar todas suas estratégias para atrair esse público até seu salão de beleza e criar um diferencial para satisfazer suas necessidades melhor que os concorrentes.

Por fim, vale lembrar que, definir o público-alvo, não significa que você não poderá atender outro tipo de público também. Mas sim, que aquele é o público no qual você focará sua comunicação e toda sua estratégia de marketing. Por exemplo: você define que o público-alvo do seu salão de beleza é: mulher, entre 30 e 38 anos, classe A e B, que ocupa cargo executivo e que precisa estar sempre bem cuidada, mas têm pouco tempo livre e usa o horário de almoço para ir ao salão. Então, você investirá no visual do salão, no atendimento e na agilidade e poderá cobrar um preço mais alto, já que esse público não se importará de pagar mais caro por um serviço que considere de boa qualidade e que não tome muito seu tempo. Mas isso não significa que você não poderá atender homens ou mulheres de outras faixas etárias, que ocupam outros cargos e etc.

Agora que já entendeu o que é público-alvo e como defini-lo, é hora de colocar em prática!