Empreendedorismo no setor da beleza

O mercado da beleza no Brasil está favorável para quem deseja empreender nesse setor. Segundo pesquisas, os brasileiros estão comprando cada vez mais produtos para o cabelo. Além disso, os salões de beleza e estéticas têm faturado muito com essa tendência mundial de incentivo ao embelezamento. Homens e mulheres buscam hoje alternativas para melhorar sua aparência e seus cabelos. Por isso, investir nesse ramo é um bom negócio. Veja algumas dicas para você que pretende abrir um salão de beleza.

Capacitação e formalização

Para conquistar o sucesso, o empreendedor precisa de capacitação técnica e administrativa. Tanto um salão grande quanto um pequeno devem buscar conhecimento em gestão de salão de beleza, isso determinará o bom andamento do negócio. Um profissional despreparado pode passar por várias dificuldades para manter o seu salão aberto. A formalização também é muito importante. A grande maioria das empresas desse segmento ainda não realizou o seu registro na junta comercial. Hoje, no país quem fatura até R$ 60 mil por ano pode se inscrever como empreendedor individual para obter um número no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

Pesquise o mercado

Procure conhecer e colher o máximo de informações possíveis sobre o mercado da beleza. Esse é um fator fundamental para determinar a abertura ou não de um salão de beleza. As entidades de classe do setor podem ser boas fontes na busca de dados nessa área. Procurar um serviço de consultoria empresarial também ajuda na hora de decidir abrir um salão de beleza. Realizar cursos de especialização e até mesmo de gestão pode ser uma alternativa para encontrar o melhor caminho a seguir. Na internet há bons cursos on line que ensinam a empreender nesse ramo.

Traduza o salão de beleza no papel

Formule um plano de negócio, mesmo que você já tenha aberto o salão sem planejamento. Esse projeto trata-se de um manual para estruturar a empresa. No papel se define a divisão dos trabalhos, o fluxo de caixa, os padrões de atendimento dos clientes, um plano de publicidade, questões jurídicas e outros aspectos. Nesse projeto você também vai traçar seus objetivos e identificar os pontos fracos do seu negócio.

Investimento financeiro

Um erro comum das pessoas é comprometer o seu patrimônio para abrir um negócio. Caso você escolha buscar um financiamento para abrir o salão, faça isso como pessoa jurídica, pois os juros são menores. Muitos bancos têm planos especiais para empreendedores, por isso pesquise a melhor opção.

Atendimento

Um bom atendimento é essencial no setor de serviços. Isso garante que o cliente volte e recomende o salão para outras pessoas. O ambiente também precisa ser agradável, já que muitas vezes se passa horas realizando tratamentos nos salão. Uma conversa descontraída com um cafezinho relaxa e torna aquele momento mais aprazível.

Comentários